segunda-feira, 3 de junho de 2013

Prefeito Ataíde Vilela inicia reestruturação da Defesa Civil de Passos



            O prefeito Ataíde Vilela iniciou os trabalhos para reestruturar a Defesa Civil de Passos, através da Comdec (Coordenadoria Municipal de Defesa Civil). O ex-comandante do Corpo de Bombeiros na cidade, capitão Antônio Adão Anastácio, foi designado coordenador do órgão, tendo como atribuições a organização estrutural e de recursos humanos da Comdec. Neste mês, o capitão Adão irá fazer um curso na Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), em Belo Horizonte.

            “A nomeação do capitão Adão se justifica pelo profundo conhecimento que ele possui no que diz respeito à prevenção e socorro, que será somado com o curso que ele irá fazer em Belo Horizonte, para que a cidade possa ter um órgão capacitado para os trabalhos preventivos e, se for necessário, para as ações de socorro na hipótese de ocorrer alguma situação adversa”, disse o prefeito.
            O coordenador explica que o trabalho na Defesa Civil é diferente do realizado pelo Corpo de Bombeiros, que atua de forma mais prática. Já a Defesa Civil promove a assistência para a recuperação das áreas afetadas por algum evento causado pelo tempo ou pela ação do homem, como um acidente, por exemplo.
            “Eu quero formar uma equipe justamente para apoiar os bombeiros nessas épocas de anormalidades”, disse o capitão Adão, citando alagamentos e deslizamentos de terra no período chuvoso, acidentes com produtos químicos e outras situações que requeiram um trabalho coordenado em prol das pessoas e das áreas atingidas.
            Uma das primeiras medidas do coordenador foi montar a lista com 33 nomes para compor o Conselho Municipal e formar a Comissão de Defesa Civil, que é o corpo técnico do órgão constituído pelo coordenador e pelos setores técnico e operacional, respectivamente representados por um engenheiro civil e por um homem do Corpo de Bombeiros.
            É o conselho que auxilia a comissão a elaborar os planos de contingência, que trata da missão de cada órgão da prefeitura nos casos de anormalidades, como no período chuvoso (de outubro a março), e os específicos quando ocorrerem desastres.
            A Comdec foi criada pelo prefeito Ataíde Vilela em 7 de fevereiro de 2006, por meio de lei municipal (nº 2.537/2006), estabelecendo como Defesa Civil “o conjunto de ações preventivas, de socorro, assistencial e reconstrutivas, destinadas a evitar ou minimizar os desastres, preservar o moral da população e restabelecer a normalidade social”.
            A lei instituiu também a composição da Comdec, através do coordenador ou secretário-executivo, Conselho Municipal, Secretaria, Setor Técnico e Setor Operativo. Segundo o capitão Adão, o órgão ainda está em fase de estruturação, mas já vem funcionando por meio de vistorias em áreas de risco.
            A coordenadoria ainda não tem um telefone de emergência e nem uma viatura para os trabalhos iniciais, mas tem uma sala para atendimento. Quem precisar, pode telefonar durante o dia através do número 3522-8626, das 8h às 12h, e das 13 às 16h, com a secretária Lamara Aparecida da Silva Costa.
            Neste mês, o coordenador irá fazer um curso básico de proteção e defesa civil em Belo Horizonte, na escola da Cedec, que fica na Cidade Administrativa do governo de Minas Gerais, onde será promovida a capacitação burocrática e prática específica da Defesa Civil.
            O capitão Antônio Adão Anastácio começou sua carreira no Corpo de Bombeiros em 1981 e sempre atuou em Passos, primeiramente como subcomandante do pelotão, como terceiro sargento. Como comandante efetivo, o capitão assumiu o posto em 1995, quando já era tenente. De 2000 a 2001, ele comandou o pelotão como capitão, até se aposentar.

            Após o curso em Belo Horizonte, o capitão pretende colocar a Comdec em plenas condições para cumprir sua missão. “Quero estabelecer o horário de funcionamento e estamos reestruturando a Defesa Civil para prestar um trabalho mais ativo à população, pois esse órgão estava inoperante”, disse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário